Queimada Grande

Ilha localizada a cerca de 35 quilômetros do litoral do estado de São Paulo.

O nome tem origem no fato de pescadores da região atearem fogo na mata costeira para afugentar as serpentes e então poder desembarcar em terra firme. É desabitada e seu acesso é proibido, sendo restrito aos analistas ambientais do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, órgão federal que administra as unidades de conservação do Brasil e cientistas autorizados por esta Instituição. Desde 31 de janeiro de 1984 a ilha é uma Área de Relevante Interesse Ecológico (ARIE), criada pelo Decreto nº 89.336.

Os peixes mais comuns são: Xaréu, Olhete, Caranha, Bicuda, Anchova, Cioba, Garoupa, Galo, Sarnambiquara, entre outros.

Tempo para chegar até a ilha de barco é de aproximadamente 2h e 45min.

A Ilha de QUEIMADA GRANDE também é um excelente ponto de Mergulho. Existem 2 navios naufragados lá e a condição de visibilidade é de até 20 metros.

Distância da costa: 35km

Profundidade média: 14m 

Tipo de fundo: Pedras e areia a partir de 14m e destroços metálicos de navio 

Temperatura média (superfície) de 18° a 28°C

Visibilidade: até 20m 

Melhor época para mergulho: de novembro a julho 

Ventos predominantes: Este/Sudeste

 

Laje da Conceição

Localização: 24º18'00''S / 046º40'00''W

Distância: 18 Km de Itanhaém

Rumo Magnético: 135º de Itanhaém

Pequena ilha de formação rochosa, possui um farol de balizamento marítimo e seu acesso é difícil. As águas ao redor também são limpas e de grande profundidade. Em todas as ilhas estão proibidos o desembarque, para a preservação dos faróis, fauna e flora.

Peixes mais comuns são: Garoupa, Caranha, Anchova, Bicuda, Espada, Cioba entre outros.


Parcéis de Itanhaém

Itanhaém possui uma grande variedade de parcéis, alguns próximos da costa e outros localizados mais longe no caminho para a Ilha da Queimada Grande. Há também o chamado "cascalho" - um fundo rochoso e com boa transparência em pleno mar aberto. A pesca com vara é permitida e a visibilidade para mergulho é excelente. Há grande variedade de peixes como cações, raias, peixes papagaios coloridos (budiões), peixes-frades, peixes-porquinhos, porquinhos da pedra, salemas, anchovas, bicudas, dourado do mar e várias outras espécies tropicais. Dentre esses parcéis, um dos mais extensos e conhecido é o Parcel Dom Pedro II, de profundidade variável entre 27 a 2 metros. Totalmente submerso, está localizado mais ao norte, nas cercanias do caminho para a Queimada Grande, distante cerca de 15 milhas náuticas da ilha. Concentra grandes peixes e lagostas. As águas normalmente correm com força e não existe abrigo para a embarcação. Geralmente o ponto é procurado por pescadores e praticantes da pesca submarina (todo cuidado é pouco, há fortes correntes no local, procure sempre mergulhar acompanhado). Dentre os outros parcéis, há o Parcel dos Reis e o Parcel da Una, este último próximo da Barra do Una em Peruíbe.

Além destes parceis mais conhecidos, recentemente foi descoberto uma nova faixa de cascalho que fica em torno de 75km da costa de itanhaém. Onde são capturados peixes comunmente encontrados nos parceis e ilhas acima porém com uma pesagem maior. A pescaria neste parcel é indicada para pescadores com nível mais avançado de experiência, pois são 5 horas de barco até chegar lá.

Agende a sua pescaria agora mesmo! Estamos te esperando!

 

Pescanomar Pesca Esportiva - Rua Marechal Rondon, 553 - Porto Guaraú - Itanhaém /SP
Tel.: (13) 3427-8453 | (13) 9784-3626 | ID: 84*37671